Escritos do Cláudio
Não importa quem sou .Importante sim, de que me sujo.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Contato Links
Textos

AFOGANDO EM ESCUROS

 

Antes que o vento varra o solo

Espalhando as letras da história

Que nossos pés fizeram outrora

Enquanto o amor entre nós latejava

 

As flores eram nossas parceiras

Enquanto os carinhos roçavam nossas veias

Fazendo o sangue ferver sem parar

No céu dos nossos desejos

 

Mas o dia anoiteceu

E as estrelas não perfumam à distância

Eu fui me afogando em escuros

Desses que crescem em uma alma deprimida

 

Essas pessoas não entendem o que houve

Essas pessoas falam como se recitassem

Poemas decorados em escolas frias

Onde a emoção é adestrada para sorrir

 

Mas o vento não é o que incomoda

As pedras que tomaram o lugar

Das vísceras em meu corpo silenciado

Pela dor que me ofuscou os olhos

Dilaceram meus sonhos sem dó

 

Não é o vento que me incomoda

Cláudio Antonio Mendes
Enviado por Cláudio Antonio Mendes em 28/11/2021
Alterado em 28/11/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
O CASTELO DE ALICE Cláudio Antonio Mendes R$ 35,00 VERSOS INFECTANTES: (MÓ)MENTOS DE UMA PANDEMI... Cláudio Antonio Mendes R$ 10,00 O HOMEM & SUAS PERDAS Cláudio Antonio Mendes R$ 20,00 DECALOGIAS POÉTICAS Cláudio Antonio Mendes R$ 20,00 UNI VERSOS Cláudio Antonio Mendes R$ 20,00
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Contato Links