Escritos do Cláudio

Não importa quem sou .Importante sim, de que me sujo.

Textos


ALBERGUE

No nosso encontro
Eu não te encanto
E acabou, pronto!
E não me espanto
 
Não acho o poço
Com todo o pranto
E eu nada posso
E eu nada planto
 
Não tenho almoço
E hoje sequer janto
Eu ainda sou moço
Mas não me levanto
 
Nem poeira eu sacudo
Nem poema eu recito
O dia inteiro eu mudo
Eu engulo o meu grito
 
No nosso encontro
Eu apenas enxergo
Imagem do monstro
Que em mim albergo

 
Cláudio Antonio Mendes
Enviado por Cláudio Antonio Mendes em 16/04/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Tweet
DECALOGIAS POÉTICAS Cláudio Antonio Mendes R$20,00 O CASTELO DE ALICE Cláudio Antonio Mendes R$30,00 O HOMEM & SUAS PERDAS Cláudio Antonio Mendes R$20,00 UNI VERSOS Cláudio Antonio Mendes R$20,00 VERSOS INFECTANTES: (MÓ)MENTOS DE UMA PANDEMI... Cláudio Antonio Mendes R$20,00