Escritos do Cláudio

Não importa quem sou .Importante sim, de que me sujo.

Textos


PENHASCO
 
Na hora em que você cai do penhasco
Daquele seu pensamento mais impuro
Você só percebe um tempo muito vasto
Fugindo de você por um pequeno furo
 
Você só quer que o chão não seja duro
Que a vida caiba dentro de um frasco
Na hora em que você cai do penhasco
Daquele seu pensamento mais impuro
 
Você então se apega ao momento gasto
Navegando em busca do porto seguro
Sem perceber que havia no seu casco
Ranhuras sangrando sobre seu futuro
Na hora em que você cai do penhasco
 
Leia também:
A CURA
 

FONTE DA IMAGEM:  https://deixadefrescura.com/cliffs-of-moher-irlanda-paisagem/cliffs-of-moher-galway-irlanda-ireland-penhascos-norte/
Cláudio Antonio Mendes
Enviado por Cláudio Antonio Mendes em 13/12/2020
Alterado em 29/12/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Tweet
DECALOGIAS POÉTICAS Cláudio Antonio Mendes R$21,00 O HOMEM & SUAS PERDAS Cláudio Antonio Mendes R$20,00 UNI VERSOS Cláudio Antonio Mendes R$20,00 VERSOS INFECTANTES: (MÓ)MENTOS DE UMA PANDEMI... Cláudio Antonio Mendes R$25,00